Sobre dar Abraços Quentinhos

by - segunda-feira, maio 04, 2015


Bem que o abraço é a melhor coisa do mundo todos sabemos, é aconchegante, carinhoso, amoroso e proporciona a melhor sensação do mundo, há que diga que um abraço vale por anos de terapia, talvez tenham razão. Certa vez no ano de 2013 eu e algumas amigas decidimos sair as ruas distribuindo o que se chama de "abraços grátis", vocês já devem ter ouvido falar, a ideia era abraçar as pessoas na rua, proporcionando um momento de aconchego, o que provocou algumas surpresas e sustos, afinal as pessoas não estão nada acostumadas a receberem abraços do nada no meio da rua.

Bem mas a ideia do projeto vai muito alem do que algumas garotas de rosto pintado distribuindo "abraços grátis" nas ruas de uma cidade pequena, a campanha começou oficialmente em 2004 na Austrália com um homem conhecido como "Juan Mann", um dia ele saiu as ruas com uma placa escrita "free hugs" (abraço grátis) em setembro de 2004 ele deu um abraço em Shimon Moore, vocalista da banda Sick Puppies, ele quis saber porque Mann fazia aquilo ele apenas disse que era porque gostava de fazer as pessoas felizes, algumas semanas depois Moore decidiu gravar Mann enquanto ele distribuía seus abraços pelas ruas de Sydney.





Em 2008 quando a avó de Mann faleceu, Moore decidiu com fazer um clipe com as gravações e a musica "All the Same" e mandou de presente para Mann em um CD escrito "isso é o que você é", os integrantes da banda sugeriram que ele lançasse o vídeo no youtube, e foi o que fez, dois dias depois o video já tinha mais de 250 mil acessos.

     

Aqui no Brasil tudo começou em 2012, um ano depois de um deslizamento na região serrana do estado do Ria de Janeiro em janeiro de 2011, desastre natural que entro para a historia do Brasil devastou sete cidades, deixou 916 mortos e segundo a defesa civil 7.780 mil pessoas desalojadas e 6.050 mil pessoas desalojadas. Um grupo de pessoas começaram com a seguinte campanha "doe um abraço", onde eles começaram a arrecadar abraços para doar as vitimas do desastre, a intenção foi fazer com que essas pessoas  esquecessem de suas lembranças ruins por alguns segundos, mudando assim o dia delas.




Tem abraço mais quentinho do que esse? acredito que não, poder tornar o dia de uma pessoa melhor com um simples abraço é algo tão simples e ao mesmo tempo tão puro, certa vez eu li a seguinte frase "o tem não cura as feridas e nem substitui as pessoas que se foram, somente colecionam lembranças", um abraço não tem o poder de cura, ma é capaz de confortar e de tornar a vida de alguém mais leve e mais feliz. Então que tal juntar os amigos e distribuir amor e abraço quentinhos, tenho certeza que farão a vida de muitos bem melhor.







"Tema da blogagem coletiva do grupo Blogs Up, a intenção era falar de abraços quentinhos, então resolvi deixar de lado o fictício e falar sobre abraços reais."

2 comentários

  1. Essa ideia do abraço grátis é tão amorzinho, sempre tive vontade de participar de algum evento desse tipo, mas infelizmente onde moro é algo específico para os grupos jovens de igreja e tal, mas não significa que não possa participar né? Porém, realmente nunca tive oportunidade, mas ainda quero fazer um dia. Acho lindo, e adorei tua atitude ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui já é o contrario, a cidade é meio do tipo ninguém faz nada :3 e como na época tínhamos um programa de radio resolvemos sair a rua distribuindo abraços, acho a campanha maravilhosa e valeu a pena, tenho vontade de fazer de novo mas o pessoal esta um longe do outro, quem sabe um dia.

      Excluir

@tiposdalu