Dança da Solidão

by - terça-feira, julho 12, 2016


Fiquei sabendo que você tem uma nova amiga e que ela o ama melhor do que eu, mas vamos combinar isso não é lá muito difícil. As estrelas já não brilham mais e o céu anda completamente escuro talvez seja apenas minha imaginação ou isso esteja ocorrendo apenas no meu céu e a julgar pelo sorriso que vi em seu rosto outro dia creio que a segunda opção é a mais viável, sei que ela está sempre por perto coisa que eu nunca fiz ficava tão absorta em meu mundinho negro que simplesmente me esquecia de que amor é recíproco e que devemos retribuir o que recebemos ao invés de apenas proferir palavras que não expressam o que sentimos, sei que é tarde para proferir tal poesia e muito menos para lhe cantar essa melodia mas venha aqui não me deixe dançar sozinha tenho algo a lhe dizer.

Eu ando quieta e quem sabe arrependida você não me vê mais é como se eu não existisse, como pode me esquecer? Como pode esquecer tudo que vivemos? Sabe não foi sempre assim você deve se lembrar no começo era só risos e sentimentos eu te amei...acho que ainda amo lá no fundo só não me lembro em que parte do caminho nos perdemos. Não vá embora não me deixe dançar sozinha seja gentil e termine a dança ainda tenho mais algumas coisas a dizer.

Olhe para mim ando completamente desanimada e extremamente desarrumada, não sei bem o que há de errado comigo mas depois de você parece apenas não existir mais eu se é que existia antes de você, não lhe culpo e nem lhe julgo pelo fim que se deu afinal tenho boa parte da culpa mas é que tudo estava tão confuso que acabei sucumbindo a solidão e ela me abraçou bem forte e não deu a menor menção de soltar.

Eu estou dançando em círculos, solta sob a imensa escuridão ao qual chamam de céu, você já se foi afinal ela o estava esperando, a musica se foi juntamente com você eu dei tudo de mim fiz tudo o que poderia fazer um tanto tarde eu sei mas fazer o que, sou assim, tão perto e ao mesmo tempo tão longe nossos céus se separaram e você levou a luz mas não tomarei mais seu tempo só me resta lhe dizer meu ultimo adeus não olharei para trás apenas seguirei na minha dança com a solidão.

Texto inspirado na musica 'Dancing on my own' na voz do Calum Scott.

2 comentários

  1. lindo e triste ao mesmo tempo, me fez refletir aqui.
    http://souadultaagora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada moça e fico feliz que tenha gostado, beijos!!

      Excluir

@VENTOSDMAIO