O Teorema Katherine, John Green

25/01/2018
Sinopse - "Após seu mais recente e traumático pé na bunda - o décimo nono de sua ainda jovem vida, todos perpetrados por namoradas de nome Katherine - Colin Singleton resolve cair na estrada. Dirigindo o Rabecão de Satã, com seu caderninho de anotações no bolso e o melhor amigo no carona, o ex-criança prodígio, viciado em anagramas e PhD em levar o fora, descobre sua verdadeira missão: elaborar e comprovar o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que tornará possível antever, através da linguagem universal da matemática, o desfecho de qualquer relacionamento antes mesmo que as duas pessoas se conheçam. Uma descoberta que vai entrar para a história, vai vingar séculos de injusta vantagem entre Terminantes e Terminados e, enfim, elevará Colin Singleton diretamente ao distinto posto de gênio da humanidade. Também, é claro, vai ajudá-lo a reconquistar sua garota. Ou, pelo menos, é isso o que ele espera."

Titulo - O Teorema Katherine
Autor - John Green
Editora - Intrisecaa
Paginas - 304
ISBN -  9788580573152
Tema DLL - livro de capa branca
Adicione no Skoob
❤❤❤❤❤

A história começa com o pé na bunda que a décima nona Katherine deu à Colin, e para animar os ânimos e em busca de novas aventuras, ele e seu melhor amigo Hassan, partem para uma viagem de carro sem destino, até que encontram uma pequena cidade chamada Gutshot no grande estado do Tennessee. Nessa cidade os dois ficam amigos de Lindsey, uma garota bem divertida, cheia de personalidade e que é apaixonada pelo seu namorado, que por coincidência, chama Colin. Os dois passam a ser hospedes na casa de Lindsey, e também arrumam um emprego na cidade, onde vão conhecendo novos amigos, novas histórias sobre o passado das pessoas que vivem lá, e passam por diversas aventuras. 
Em meio a toda essa experiência de vida, Colin anda sempre com um caderninho onde bola um teorema para prever a duração de um relacionamento baseando no seu longo histórico de relacionamentos com as Katherines.

No livro o teorema de Katherine John Green representa a história de uma forma simples mas divertida . Cheia de descobertas , de drama e muito humor , a gente acompanha a jornada de Colin tentando formular o seu Teorema Fundamental de previsibilidade das Katherines , ao mesmo tempo em que descobre a si mesmo, com apoio de seu amigo Hassan e a nova e não esperada amizade de Lindsay.
"Aquele sorriso seria capaz de pôr fim a guerras e curar o câncer." 
Cheia de descobertas, de drama e muito humor, a gente acompanha a jornada de Colin tentando formular o seu Teorema Fundamental de Previsibilidade das Katherines, ao mesmo tempo em que descobre a si mesmo, com o apoio de seu amigo fugging Hassan e a nova e não esperada amizade de Lindsay.
"... Colin não queria que aquilo acabasse, porque sabia que a ausência dela doeria mais que qualquer fim de namoro. Mas Katherine foi embora mesmo assim."
A cidade de Gutshot tem muito a oferecer aos dois forasteiros que colocaram o pé na estrada. E depois dessa jornada ninguém sairá o mesmo.
"Essas são as pessoas de quem a gente gosta de verdade. As pessoas na frente de quem você pode pensar alto. As pessoas que estiverem nos seus esconderijos. As pessoas na frente de quem você mordisca o polegar."
As composições de diálogos do John Green são simplesmente espetaculares, eu já era apaixonada pelo autor quando conheci Quem é Você, Alasca? O primeiro livro que li na vida que não tem travessão em seus diálogos, me encantei não com isso mas com a forma que ele os construiu por diversas vezes eu sentia como se tivesse vendo uma conversa entre eu e uma amiga e em O Teorema Katherine não poderia ser diferente. O que me deixa fascinada é a forma leve que ele trata assuntos importantes na nossa vida como o poder de uma amizade e como o fim de um relacionamento, apesar de parecer ruim, pode ser o ponta pé inicial para uma nova vida, precisamos apenas nos permitir.





Eu super amo esse livro e já virou um queridinho também, tenho certeza que a maioria das pessoas já o leram então por favor me conte aqui o que acharam e se você por um acaso ainda não deu uma chance para ele, corre já para ler pois garanto que você dará boas gargalhadas e ainda sairá com uma lição de vida.

2 comentários:

  1. Olá
    Estou muito feliz mesmo por ter encontrado mais alguém que gosta desse livro. Parece que a regra é que o povo não curtiu esse. Eu me diverti tanto lendo ele que quero reler. A escrita do John Green é bem envolvente e gosto muito disso nos livros dele.
    Um beijo

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gente o único livro dele que não gostei até hoje foi A Culpa é das Estrelas haha amo o formato de escrita dele e o diálogos são divinos de verdade, amei esse livro.

      Excluir